Bike Clandestina - Modelo se transforma em cadeira para evidenciar impostos - 2pedais

Ads Top

Bike Clandestina - Modelo se transforma em cadeira para evidenciar impostos

Bike Clandestina e móvel, original? (Foto: Divulgação)

Uma bicicleta pode ter até 70% de impostos, enquanto móveis costumam ter até 12

Visando driblar os impostos exorbitantes, a Talent Marcel desenvolveu a Bike Clandestina, uma bicicleta que vira poltrona e mesa

Idealizado pela agência Talent Marcel, com o apoio do frame builder Denis Cardoso e de nós, revista Bicycling, o projeto “Bike Clandestina” é para alertar sobre as altas cargas tributárias aplicadas às bicicletas no Brasil. Sim, bike paga muito mais imposto do que os móveis, por exemplo.

Os impostos sobre o valor das bikes podem chegar a até 70% (neste caso, de uma bike importada), o que torna este produto caro e muitas vezes até inacessível à maioria de nós ciclistas.

Foi visando driblar esses impostos exorbitantes que a Talent Marcel desenvolveu a Bike Clandestina, uma bicicleta que vira poltrona e mesa. Dessa forma, o comprador poderia escolher o formato do objeto que estaria adquirindo: um móvel (dessa forma pagando até 12% de impostos), ou bicicleta, (pagando até 70% de impostos). E lógico que todos nós compraríamos “móveis para pedalar” – afinal, quem se importa?

Bike Clandestina e móvel, original? (Foto: Divulgação)



Bike Clandestina: uma boa ideia
A Bike Clandestina não será comercializada. É apenas um protótipo para alertar que as bikes hoje no Brasil são os produtos mais sobretaxados (até mais do que os carros e muito mais do que móveis).

“Muitos reclamam do preço das bicicletas, mas pouca gente sabe que até 70% do valor é imposto”, diz Sergio Takahata, criativo da Talent Marcel. “Então a gente quis mostrar essa informação de um jeito interessante, através de um símbolo: a Bike Clandestina.”

Para Andrea Estevam, diretora de conteúdo da Rocky Mountain, a editora que publica a Bicycling, o imposto altíssimo cobrado sobre as bicicletas sempre foi motivo indignação para a comunidade do ciclismo. “Afinal, bicicleta é transporte, é saúde, é lazer… E traz mil coisas positivas para a população”, diz. “E esse projeto é uma forma criativa e transgressora de chamar a atenção para isso. Tem tudo a ver com bike, e por isso nós da Bicycling o apoiamos totalmente”, completa Andrea.

O construtor da Bike Clandestina

Bike Clandestina e móvel, original? (Foto: Divulgação)


Para Denis Cardoso, dono da Cardoso Cycles, que construiu a Bike Clandestina, o convite da Talent Marcel foi, além de uma honra, desafiador. “Atender à demanda de duas funcionalidades tão diferentes para o mesmo objeto já foi, por si só, inovador.”, disse.

“Além disso, adequar peças de bicicleta existentes no mercado a este novo quadro feito de madeira, um material ainda novo, apesar de estar cada vez mais presente na fabricação de bicicletas, também foi outro grande desafio.”

Mas o importante é que agora a mensagem sobre o valor do imposto no preço final de uma bicicleta está sendo passada a mais gente. E vai que uma marca top de bikes decida fabricar aquele movelzinho pedalável a um preço camarada… A gente só agradece. (bikeclandestina.com.br)





Nenhum comentário:

Postagens recentes

4/recentposts
2 pedais. Tecnologia do Blogger.